lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Cidade da Criança do Hias retoma atividades com agendamento por unidade de internação
Ter, 24 de Agosto de 2021 11:00

download-77.png

O serviço, oferecido no Hospital Infantil Albert Sabin desde 1998, é uma importante iniciativa com foco na atenção e no cuidado com a infância, fase da vida que é celebrada neste dia 24 de agosto

Em virtude da pandemia de Covid-19, que trouxe consigo uma série de cuidados especiais e uma necessidade de adequação dos fluxos e dos serviços hospitalares, o Hospital Infantil Albert Sabin (Hias), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), havia suspendido as atividades na Cidade da Criança, projeto lúdico de humanização do hospital.

Contudo, com a diminuição dos casos da doença no Estado, as atividades estão sendo retomadas, mas em formato diferenciado. O serviço, oferecido no Hias desde 1998, é uma importante iniciativa com foco na atenção e no cuidado com a infância, fase da vida que é celebrada neste dia 24 de agosto.

O pequeno Benício, de 1 ano e 2 meses, que foi internado no Hias no início deste agosto para tratar uma osteomielite, foi um dos primeiros pacientes a aproveitar o espaço assim que ele reabriu, na última semana. A mãe dele, Maria de Fátima Carvalho, conta que o filho adorou a Cidade da Criança. “Quando vamos para lá, o Benício fica mais relaxado e se diverte bastante. Para mim, também é legal porque eu gosto de conversar com as pessoas que trabalham lá, que nos atendem muito bem. Ter esse espaço foi muito importante porque mudou um pouco a nossa rotina no hospital, pois não temos mais que ficar só no leito. Quando vamos pra lá, o dia passa mais rápido, é um ar diferente”, avalia.

download-78.png

Benício, de 1 ano e 2 meses, foi um dos primeiros pacientes e aproveitar a Cidade da Criança após reabertura do espaço

Segundo a coordenadora do espaço recreativo e terapeuta ocupacional do Hias, Izabel Chagas, mesmo em um ambiente hospitalar, é importante que as crianças tenham momentos lúdicos no seu dia a dia. “A brincadeira é uma atividade que faz parte da infância, de fundamental importância para o desenvolvimento psicomotor das crianças. Na Cidade da Criança, buscamos, por meio da atividade recreativa e da terapia lúdica, amenizar o trauma psicológico da internação, contribuir para uma melhor qualidade de vida durante o tratamento e estimular o desenvolvimento e a recuperação da autoestima do paciente no ato de brincar”, reforça.

Gilderlea de Paiva, mãe do adolescente Marcus Vinícius, de 12 anos, que está se recuperando de uma cirurgia, já percebeu os benefícios na autoestima do filho desde que passaram a frequentar o espaço, no último sábado (21). “Quando fomos para a Cidade da Criança, ele ficou muito feliz porque encontrou muita coisa que ele gosta de brincar, como dama, dominó, Uno. Ele também gostou bastante dos livros que tem aqui e do ambiente em si, que é muito agradável. Ele se sente muito bem e melhora muito a autoestima dele e também das outras crianças, pois a gente percebe a alegria; o semblante muda”.

Funcionamento

A Cidade da Criança vai receber os pacientes por unidade de internação, divididos por turno, para evitar um número grande de crianças no mesmo momento. Podem usufruir do serviço todos os pacientes internos das unidades abertas (enfermarias) que tenham condições de locomoção e parecer favorável da equipe médica.

download-76.png

Pacientes são divididos por turno para evitar um número grande de crianças no mesmo momento

O local conta com quatro espaços: Casinha de Brinquedos Renato Aragão, Teatro Dora Andrade, Escola e Biblioteca Rachel de Queiroz, além de um salão de beleza. As atividades são orientadas e coordenadas por uma equipe composta por cinco terapeutas ocupacionais e uma secretária. O espaço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 14h às 17h, e, aos fins de semana, das 7h às 19h.

Dia da Infância

O Dia da Infância foi instituído com o intuito de promover uma reflexão sobre as condições de vida das crianças, bem como de garantir o acesso aos devidos cuidados e a tudo aquilo que elas necessitam para um desenvolvimento pleno e harmonioso. Dentre os direitos que devem ser assegurados para todas as crianças está o direito de brincar, atividade fundamental para a construção da identidade e da subjetividade dos pequenos.

 

Assessoria de Comunicação do Hias
Texto e fotos: Erika Mavignier

 
http://www.hias.ce.gov.br/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/285595Gisraelly_Bevenuto__2_.png
http://www.hias.ce.gov.br/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/577528Foto_1___Curso_B__sico_de_Cuidados_Paliativos_Pedi__tricos__2_.png

Últimas Notícias Leia mais

Calendário

Outubro 2021
D 2a 3a 4a 5a 6a S
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6